4 de abr de 2012

Revolta dos professores municipais


O projeto que o prefeito mandou para Câmara de Carpina, alijando o servidor da educação municipal foi recebido pelos professores com indignação. Após a assembléia do Sinsemuc,onde os professores optaram pela greve ( 1ª greve municipal dos servidores de Carpina ), a partir do dia 12/04/12.
Na sessão da Câmara municipal a noite, os professores compareceram e pediram aos vereadores que devolvessem o projeto ao prefeito, reprovando-o pois aquilo é uma afronta, e os vereadores de situação pediram vistas do projeto, para tentar argumentar com o  prefeito. Mesmo assim a categoria vaiou os vereadores de situação que mais uma vez ficaram na  contra-mão. O vereador Charles Meira, mostrou seu apoio a classe mais uma vez, e disse que está com o povo, pois ele é representante do coletivo, e não de uma minoria que defende seus próprios interesses. Semana que vem tem mais.

Nenhum comentário:

Postar um comentário